<$BlogRSDURL$>

segunda-feira, maio 24, 2004

Einóma : "Milli Tónverka" (Vertical Form, 11/2003)



O projecto Einóma é o resultado da colaboração entre dois realizadores de cinema de Reykjavik, Bjarni e Steindór, sendo este "Milli Tónverka" o segundo album do duo.
Temos aqui sugestões de paisagens estranhas e desoladoras, com um misticismo muito acentuado, quase gótico. Talvez banhadas pelos longos crepúsculos do fim do Outono.
Tudo isto é conseguido com uma electrónica bastante abstracta e oblíqua, com ritmos completamente disconexos, criados com sons metálicos e aquilo que parecem ecos de um barco perdido em alto mar com as ondas a baterem no casco. Talvez se possam tomar como referência as arritmias do "EP 7" dos Autechre, mas em versão mais metálica e escura.
Depois há a outra camada de sons. Mais baixa, enterrada sob as batidas, constituída por silêncios, notas de violinos, lágrimas, pianos. Atraca directamente no cérebro e causa arrepios na espinha. Fantasmas perdidos num espaço entre passado e futuro, sussurros, tecnologia, desertos lunares. Magnífico.
Este disco é um verdadeiro manjar tanto para o cérebro como para a alma. Estará aqui o futuro do industrial, vertente cinemática, já completamente assimilado pela IDM? É bem provável...

Comments: Enviar um comentário


referer referrer referers referrers http_referer

This page is powered by Blogger. Isn't yours?