<$BlogRSDURL$>

sexta-feira, janeiro 28, 2005

Dead Combo vs. Dead Combo @ ZdB, 27 de Janeiro de 2004

A noite era fria, mas de alguma forma a Zé dos Bois parece sempre quente apesar de ter muito espaço aberto... o facto de estar lotada claro que ajudou a aumentar a temperatura. Foi com uma sala apinhada que os portugueses Dead Combo apareceram, sem grandes tretas. Trouxeram o facto de domingo, pegaram na guitarra e contra-baixo, disseram o nome de alguns temas e começaram a tocar. E palavras para quê? A música dos Dead Combo não precisa de muitas palavras, ela explica-se por si só, é essa uma das grandes magias deste duo nacional. Tó Trips toca muitas vezes a citar a forma de tocar do Carlos Paredes, e isto numa guitarra electrica cria uma ressonancia no imaginário como se entrassemos num mundo onde o Carlos Paredes tocou um dia com o Jimi Hendrix. Já muito se falou na excelencia de temas como "Electrica Cadente", talvez se tenha falado menos na subtileza e elegância de temas como "A menina dança?" e "Paredes Ambience", ou na aspereza desertica de "Cacto". Ao vivo tudo soa mais electrico, e é absolutamente imprescindivel ver os portugueses de muito perto... os Dead Combo portugueses não foram feitos para se ouvir com barulheira, exigem alguma concentração. A recompensa é imensa.
Os finlandeses... err... pois... sim, claro... erm... Grande... grande... hmmm... como descrever um dos piores concertos que já assisti?! Primeiro nunca mais começavam, completamente embriagados de vodka absolut, procuravam ajustar à última hora o som enquanto o vocalista tentava improvisar umas "piadas" (!) enquanto distribuia vodka pela assistência. Vodka, muito vodka. Depois de algum tempo começou o "concerto" (!). A pose era decalcada dos Suicide, a música era uma miscelania de Suicide, EBM e electropop dos anos 80. Mas muito mal tocada, baseada apenas nuns quantos samples poderosos e barulhentos, sem nada a acompanhar. O vocalista lá tentava dar uns ares de cantor maldito... sem sucesso. Parecia uma caricatura dos Suicide. Alguém atrás de mim gritou "BIFANA!". Eu ria-me imenso. Foi um mau concerto, mas diverti-me um bocado com o amadorismo daqueles tipos. Nova Iorque está doida, tanto alberga coisas como LCD Soundsystem como dá abrigo a estes Dead Combo finlandeses.
À saída a noite continuava fria, a música dos Dead Combo portugueses ressoava na cabeça e a figura triste dos finlandeses ainda era motivo de riso.

(3) comments

quarta-feira, janeiro 26, 2005

SUICIDE: reedições anunciadas pela Mute



A editora Mute anunciou a reedição de dois álbuns dos Suicide: "A way of life" e "Why be blue?". A acompanhar estas reedições estão dois CDs com concertos ao vivo em Londres (1987) e Paris (1989). É uma excelente oportunidade para reencontrar uma das bandas mais importantes de sempre, em dois álbuns menos conhecidos desta banda.

(0) comments

segunda-feira, janeiro 24, 2005

Amon Tobin



O nosso brasileiro favorito participou no programa de rádio Breezeblock da BBC Radio One na edição de 18 de Janeiro de 2005.
Podem encontrar esse mix no formato mp3 aqui. Tracklist e demais informações nesta página de um fan.
É aproveitar!

(0) comments

sábado, janeiro 22, 2005

Noticias da Warp

Está para breve o lançamento do álbum "Music for film, television and radio Vol.1" dos Harmonic 33 que promete ser um bom disco. Mas a grande noticia acaba por ser esta:

We are extremely pleased to announce that Autechre will release a new album in 2005. And if that wasn't enough, they will also be playing live in the UK, Europe, USA and Japan. Watch this space for more."Untilted" WARP180 released: April 2005

Ou seja, vem aí um novo álbum dos Autechre :-) Entretanto eu não peço a eles para virem a Portugal, já estou conformado com o facto de que provavelmente nunca os irei ver ao vivo :-(



(0) comments
Dead Combo vs. Dead Combo

Os portugueses Dead Combo irão tocar na Galeria Zé dos Bois no próximo dia 27 de Janeiro, junto com os finlandeses... Dead Combo. Irá ser uma oportunidade para confrontar a melancolia de espaços abertos dos portugueses com a energia do electro-rock dos finlandeses. Para assinalar a ocasião, está disponível on-line na Mondo Bizarre uma entrevista que eu fiz aos Dead Combo portugueses. Aqui fica o link: http://www.mondobizarre.com/e_deadcombo_jan2005.html





(0) comments

terça-feira, janeiro 18, 2005

LCD Soundsystem



Aqui fica o apontador para o novo video-clip dos LCD Soundsystem, do tema "Movement" (formato Quicktime).
Pode ser visto no site do grupo ou através deste link directo podem gravar o vídeo para o disco: http://www.dfarecords.com/lcd/lcdvid/lcd-mov.mov (botão direito + "Save Target As...")
Entretanto, esperamos pelo dia 24 de Janeiro, altura em que o disco de estreia deste grupo da DFA Records será colocado à venda. Será certamente um dos albuns mais marcantes de 2005.


(0) comments

segunda-feira, janeiro 17, 2005

Novos discos quase a chegar

LCD Soundsystem "LCD Soundsystem" - duplo CD. No 1º CD estarão inéditos desta banda, e o 2º será uma compilação das canções editadas vinilo que fizeram dos LCD Soundsystem uma das novas coqueluches da música de dança. Algumas audições realizadas chegaram para confirmar que este álbum vai marcar fortemente 2005.

Six Organs of Admittance "School of the Flower" - Atenção a este álbum, é muito bom!

Mercury Rev "The Secret Migration" - este é uma semidesilusão, mais parece um suplemento do "All is Dream", sem grande substância.

Buck65 "This Right Here Is Buck65" - ainda não ouvido.

Mike Ladd "Negrophelia" - também por ouvir.

Amon Tobin "Chaos Theory: Soundtrack to Tom Clancy's Splinter Cell" - Amon Tobin em piloto automático. Enquanto esperamos por um verdadeiro novo álbum dele, este vai servindo para aquecer.

Roots Manuva "Awfully Deep" - um bom disco. A voz do Roots Manuva chega e só para manter o interesse neste álbum, apesar de nem todas as canções serem boas.

Antony & the Johnsons "I Am A Bird Now" - por ouvir.

AGF/Delay "Explode CD" - um dos CDs que aguardo com mais expectativa este ano.

Boom Bip "Blue Eyed In The Red Room" - um disco muito mau. Boom Bip a fingir que é Solvent e a meter as vozes da Nina Nastasia para agradar ao público indie. Alguém lhe devolva a espinha dorsal, por favor.

Aesop Rock "Fast Cars, Danger, Fire, & Knives" - outro para ouvir.

Como é natural, muitas coisas mais irão surgir entretanto.

(0) comments
ESTAMOS VIVOS!

E em 2005. Por manifesta falta de tempo/disponibilidade/vontade, este blog tem estado um pouco quieto ultimamente, mas espero voltar a escrever mais regularmente dentro em breve. Para já desejo um bom ano aos leitores que por aqui vão passando, enquanto se espera por novos discos agora que estamos num periodo de relativa acalmia.


(0) comments


referer referrer referers referrers http_referer

This page is powered by Blogger. Isn't yours?